PayPal se compromete a zerar suas emissões de carbono até 2040
07 Abr 2021
por Sri Shivananda, CTO do PayPal
Sri Shivananda de braços cruzados, com traje executivo
Sri Shivananda, CTO do PayPal

PayPalCorporate

Todos nós devemos fazer a nossa parte quando se trata de proteger a saúde do nosso planeta, e isto inclui, também, a necessidade de que as empresas tomem medidas. No PayPal, entendemos que defender o meio ambiente é vital para cumprir a nossa missão de promover a saúde financeira e a inclusão de todos os cidadãos globais. A sustentabilidade é fundamental quando se trata de diminuir o nosso impacto, mobilizar a nossa força de trabalho e impulsionar a inovação na nossa empresa.  

Anunciei, anteriormente, que o PayPal está empenhado em abordar as emissões de carbono e se juntou, recentemente, com milhares de outras empresas, ao movimento “America Is All In” para continuar a apoiar ações que buscam cumprir com o Acordo Climático de Paris. Em 2019, nos comprometemos a estabelecer objetivos para reduzir nossas Emissões de Gases do Efeito Estufa (GEE, em inglês, GHG – GreenHouse Gases). Isso foi alinhado com os critérios estabelecidos pela Science-Based Targets initiative (SBT), que acompanhou todo esse percurso. No ano passado, aderimos ao “Business Ambition for 1.5C”, num esforço de alinhar nossas metas climáticas com o compromisso de evitar que a temperatura global aumente mais 1,5 graus Celsius. Hoje, estamos nos comprometendo a zerar nossas emissões de carbono até o ano de 2040.

Nossas metas de redução de carbono são focadas nas nossas operações e cadeia de valor. Especificamente, os nossos objetivos a médio prazo são:

  • Alimentar nossas bases de dados 100% com fontes de energia renováveis até 2023
  • Reduzir 25% das emissões operacionais de gases com efeito estufa até 2025, a partir de um ano base de 2019
  • Convencer 75% dos nossos fornecedores a adotar Science-Based Targets (SBT) até 2025

Nosso principal foco é mobilizar recursos para reduzir e diminuir as nossas emissões de gases com efeito de estufa o mais rapidamente possível, e já estamos observando resultados tangíveis em direção a estas metas. Fico muito contente em poder compartilhar que, em 2020, 98% da energia nos nossos data centers vieram de fontes renováveis – esse índice era de 65% em 2019. E como parte da nossa estratégia de reduzir as emissões em toda nossa cadeia de valor, lançamos uma iniciativa de envolvimento de fornecedores ESG (Governança Ambiental, Social e Corporativa, do inglês Environmental, social and corporate governance). Também aderimos recentemente à CDP Supply Chain, que aponta as empresas que melhor engajam suas cadeias de suprimentos na adoção de uma nova abordagem para as mudanças climáticas e a gestão da água, visando aumentar o envolvimento de nossos fornecedores em iniciativas voltadas ao clima.

A nossa estratégia de compensação de Emissões de Gases do Efeito Estufa está centrada no apoio a projetos em locais onde o PayPal tem uma presença significativa, em apoiar comunidades vulneráveis, e alinhar-se com a missão e os valores do PayPal. Para mitigar os danos gerados pela poluição climática decorrente das nossas operações em 2019 e 2020, investimos no desenvolvimento de fogões com eficiência energética para famílias no México e na proteção de diversas áreas florestais no Canadá e no sudoeste da Amazônia brasileira. Outro projeto que apoiamos é a preservação do Cemitério Histórico Evergreen e East End em Richmond, nos Estados Unidos, que foram fundados por líderes da comunidade negra local na década de 1890. Desde o final dos anos 90, ocorreram diversas iniciativas de preservação deste local histórico. Com a administração do cemitério pela Fundação Enrichmond, o trabalho de recuperação irá crescer e passará a incluir serviços de conservação para proteger essas terras públicas de forma permanente, protegendo o meio ambiente e providenciando um espaço para atividades comunitárias.

Há muitas oportunidades excelentes à nossa frente quando se trata de mitigação da crise climática e inovações. Estamos pesquisando sobre as intersecções entre a inclusão financeira digital e melhorias climáticas para identificar soluções de fintechs que nos ajudarão a construir uma economia global mais neutra nos seus impactos climáticos e ainda mais equitativa e inclusiva. Estou ansioso por continuar esta conversa à medida que continuamos nesta jornada em prol da justiça climática.

Mantenha-se atualizado

Inscreva-se para receber as últimas notícias no seu e-mail.

Inscreva-se